ativos de TI exemplos capa

Guia completo sobre ativos de TI: exemplos e gestão eficiente

Você sabe quais são os exemplos de ativos de TI? Essa é uma informação importante, especialmente para médias e grandes empresas, para aprimorar a eficiência operacional. 

Ou seja, compreender a variedade de ativos de TI é essencial para manter a infraestrutura tecnológica robusta e segura.

Este guia completo abrange desde a identificação, até a administração eficaz desses ativos, detalhando elementos cruciais como hardware, software e dispositivos físicos. 

Portanto, continue a leitura e veja como otimizar esses recursos, reduzir o downtime e impulsionar o desempenho do seu negócio.

Entenda o que são os ativos de TI 

Ativos de TI são todos os componentes tecnológicos que suportam a infraestrutura de uma organização, desde hardware e software até dados e redes. Esses ativos são fundamentais para o funcionamento diário e o sucesso a longo prazo de qualquer empresa. 

Eles incluem servidores, computadores, sistemas operacionais, aplicativos, bancos de dados, dispositivos de rede e muito mais. 

A importância dos ativos de TI reside na sua capacidade de aumentar a eficiência operacional, melhorar a comunicação e possibilitar a inovação empresarial. 

Uma gestão eficaz desses ativos é crucial, pois ajuda a minimizar riscos, otimizar investimentos e garantir a continuidade dos negócios. 

Compreender e gerir adequadamente os ativos de TI é, portanto, um diferencial estratégico para gestores que visam a excelência e a competitividade no mercado atual.

Ativos de TI: exemplos práticos para gestores 

Gerir ativos de TI é vital para qualquer gestor. Conhecer exemplos práticos ajuda a otimizar a infraestrutura tecnológica e a operação empresarial e é sobre isso que iremos falar agora!

Elementos de hardware de infraestrutura 

Servidores e data centers formam a espinha dorsal da infraestrutura de TI. Eles armazenam dados críticos e executam aplicações essenciais para as operações empresariais. 

Um controle eficiente desses ativos garante alta disponibilidade e desempenho, essenciais para manter a continuidade dos negócios. Investir em hardware de qualidade e manutenção preventiva reduz o risco de falhas e downtime, maximizando a produtividade e a eficiência operacional.

imagem ilustrativa ativos de TI exemplos

Softwares, aplicativos e sistemas são alguns exemplos de ativos de TI

Softwares e aplicativos são ativos de TI que conduzem as funções críticas do negócio. Eles variam desde soluções desenvolvidas internamente até licenças adquiridas de terceiros. 

Uma gestão eficaz desses ativos inclui atualizações regulares, suporte técnico e compliance com licenças. A escolha correta de softwares pode impulsionar a eficiência, enquanto uma má gestão pode resultar em vulnerabilidades de segurança e ineficiências operacionais.

Dispositivos físicos essenciais 

Notebooks e computadores são dispositivos físicos essenciais que permitem a execução das atividades diárias. O gerenciamento desses dispositivos passa por manter o hardware atualizado e garantir que estejam protegidos contra ameaças de segurança. 

Além disso, é necessário considerar o ciclo de vida desses ativos, planejando substituições e atualizações que acompanhem as demandas tecnológicas e as necessidades dos usuários.

Exemplos de ativos de TI: redes de computadores 

As redes de computadores são cruciais para a comunicação e o compartilhamento de dados dentro de uma organização. Uma rede bem gerida assegura a integridade, disponibilidade e confidencialidade das informações. 

Isso envolve não apenas o hardware de rede, como switches e roteadores, mas também a gestão de configurações, políticas de segurança e monitoramento constante para prevenir e responder a incidentes de segurança.

Link de dados 

O link de dados é o meio pelo qual as informações são transmitidas entre diferentes componentes de uma rede. Uma gestão eficiente desses links implica em garantir a largura de banda adequada, minimizando a latência e evitando gargalos que possam impactar o desempenho da rede. 

Isso é fundamental para aplicações que dependem de tempo real, como VoIP ou videoconferências, e para manter a produtividade dos usuários.

Armazenamento em nuvem e dispositivos móveis 

O armazenamento em nuvem e dispositivos móveis são ativos de TI cada vez mais presentes nas empresas. A gestão desses ativos envolve garantir a segurança dos dados armazenados na nuvem e a implementação de políticas de BYOD (Bring Your Own Device) para dispositivos móveis. 

Nesse sentido, ele assegura que os dados corporativos estejam protegidos, ao mesmo tempo em que oferece flexibilidade e mobilidade aos colaboradores.

A importância da gestão dos exemplos de ativos de TI 

Agora que você já sabe quais os exemplos de ativos de TI, é importante dizer que a gestão de ativos de TI assume um papel crucial na minimização do downtime, um desafio significativo que afeta diretamente a produtividade e os lucros. 

Inclusive, o custo do tempo de inatividade no Brasil alcança US$306 por hora, o segundo mais alto globalmente

Ou seja, este período de paralisação, seja por falhas ou manutenções, pode parar completamente as operações de uma empresa, considerando a dependência atual da tecnologia para a maioria das atividades corporativas. 

Portanto, uma gestão eficiente de ativos de TI é essencial para garantir a continuidade das operações e otimizar as entregas de demandas dentro da empresa.

Estratégias para uma gestão de ativos de TI eficaz 

Para uma gestão de ativos de TI eficaz, é essencial implementar práticas robustas. A realização de um inventário completo e a manutenção de documentação detalhada permitem um controle preciso sobre os recursos tecnológicos. 

É fundamental registrar o histórico de uso e manutenção dos ativos para prever necessidades futuras e evitar falhas. Gerenciar contratos e licenças de forma rigorosa evita problemas legais e otimiza investimentos. 

Inclusive, utilizar ferramentas e softwares especializados em gestão de ativos de TI automatiza processos, aumenta a eficiência e proporciona uma visão integrada dos ativos, facilitando tomadas de decisão estratégicas e operacionais. 

Em suma, essas medidas são vitais para o sucesso e a sustentabilidade das operações de TI em médias e grandes empresas.

imagem ilustrativa ativos de TI exemplos 2

Conte com o software da K2A para uma gestão eficiente dos ativos de TI

Os exemplos de ativos de TI, como notebooks, impressoras, links de dados, linhas telefônicas e smartphones, são essenciais para o funcionamento diário de uma empresa. 

Nesse caso, o software iControlIT da K2A, oferece uma solução integrada para gerenciar esses ativos de forma eficiente, assegurando que estejam sempre alinhados com os contratos vigentes. 

Ou seja, se você está em busca de uma ferramenta para simplificar e otimizar a gestão dos seus ativos de TI, proporcionando uma visão clara do seu parque tecnológico e contribuindo para a tomada de decisões estratégicas mais informadas, solicite agora uma demonstração.

Gostou do conteúdo? Então, continue acompanhando o Blog da K2A e confira outros conteúdos sobre Telecom, TI e Gestão!

 

Fale com a K2A

Você gostaria de contratar ou de saber mais sobre nossos serviços? Nossa equipe comercial está pronta para atendê-lo.

Envie-nos uma mensagem agora mesmo. Basta preencher o formulário ao lado.